Participação de Cerveira na 3ª conferência europeia “ResiliEurope” em Albânia

A Câmara Municipal será o anfitrião do 5º encontro em setembro de 2022

Vila Nova de Cerveira | O Município de Vila Nova de Cerveira participou, entre 31 de março e 2 de abril, na 3º Conferência “ResiliEurope – European Citizens, Islands, Territories and Resilience”, na cidade de Shkoder, Albânia, fazendo-se representar pelo Secretário da Vereação, Bruno Quintas. O ciclo de seis conferências passará, em setembro, por Vila Nova de Cerveira para conhecer a realidade socioeconómica do concelho alto-minhoto.

Os países presentes nesta conferência europeia foram recebidos pelo Presidente da Câmara de Shkoder, Bardh Spahia, passando, posteriormente, a dois dias de debate em torno de quatro temas bastante atuais, nomeadamente a “União Europeia em Tempos de Crise, Solidariedade e o Processo de Alargamento da União Europeia”, “O Corpo Europeu de Solidariedade e a Reciprocidade”, “Juventude e Resiliência” e “A Próxima Geração EU”.

Na sua intervenção na Round Table “Youth and Resilience – The NextGenerationUE”, o Secretário da Vereação do Município de Vila Nova de Cerveira, Bruno Quintas, destacou que “onde há vida, onde há jovens, há atividade económica. E as grandes empresas querem estar onde há atividade económica. Portugal e Vila Nova de Cerveira em concreto, vem perdendo de forma consecutiva jovens qualificados que emigram para outros países, maioritariamente europeus em busca de melhores oportunidades. É demasiado difícil para os jovens de hoje começarem uma carreira profissional e progredirem”.

Ao finalizar, Bruno Quintas desafiou os presentes para a importância de se “passar do tema dos jovens e resiliência para o tema dos jovens e eficiência”. E rematou: “O tempo de agir é agora”.

Financiado pelo programa “Europe for Citizens”, o “ResiliEurope – European Citizens, Islands, Territories and Resilience” tem como objetivo promover o diálogo intercultural e a participação dos cidadãos europeus na vida da União Europeia, combinando o conceito de solidariedade com o de resiliência. Pretendem-se construir pontes de cooperação nas soluções entre territórios europeus de pequena dimensão que lutam com os mesmos desafios.

Dia Mundial da Saúde
Procurando sensibilizar a população para a importância da prática regular de atividade física e de uma alimentação saudável, a Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira, em estreita colaboração com várias entidades do concelho, vai dinamizar, entre 7 e 9 de abril, um conjunto de ações com vista à promoção da saúde, nomeadamente, palestras, workshops, reuniões de trabalho, além de aulas de dança e de ginástica. A iniciativa enquadra-se na comemoração do Dia Mundial da Saúde (7 de abril).

A programação arranca na quinta-feira, 7 de abril, com uma palestra dedicada à temática da “Hipertensão e a Alimentação”, com a presença de um orador da Universidade do Porto, dirigida aos idosos institucionalizados, Técnicos das IPSS e comunidade em geral (10h00, na Biblioteca Municipal), estando ainda agendado, para o período da tarde, um workshop da EPRAMI a abordar a “Seleção de Géneros Alimentares e a Prevenção do Desperdício”, para beneficiários do Programa Operacional de Apoio a Pessoas Mais Carenciadas (14h00, no Mercado Municipal).

Para o segundo dia, 8 de abril, está prevista uma sessão de trabalho com Técnicos de Saúde dos Municípios do distrito de Viana do Castelo, com o propósito de explanar “O Papel dos Municípios na Promoção da Saúde da Comunidade” (10h00, na Biblioteca Municipal).

Já o sábado, 9 de abril, inicia e termina com exercício físico, com a dinamização de uma Aula de Dança (09h00) e uma Aula de Ginástica (16h00) para a comunidade em geral, em pleno centro histórico. Aproveitando a dinâmica da Feira Semanal, a ETAP vai promover um workshop sobre “Alimentação Saudável – Saladas Quentes” (10h00, Mercado Municipal); havendo ainda lugar para a palestra “O Voluntariado na Promoção da Saúde Mental”, (16h00, Fórum Cultural de Cerveira), dirigido aos voluntários e à comunidade.

A organização desta iniciativa só é possível graças ao envolvimento de várias entidades, nomeadamente, Universidade do Porto, ETAP, EPRAMI, Citius Fit, Manos Sá, Banco Local do Voluntariado e IPSS do concelho. O Dia Mundial da Saúde, instituído pela OMS (Organização Mundial da Saúde) no dia 7 de abril de 1948, passou a ser comemorado em 1950, e visa a consciencialização para a importância da saúde, alertando a sociedade para temas da área que afetam a humanidade, assim como a promoção e a adoção de estilos de vida saudáveis.

Outros artigos