I Jornadas de Apicultura em Melgaço

No dia 22 de outubro com participação livre

Melgaço | Com o setor apícola em franca expansão no concelho, o Município de Melgaço vai reunir várias entidades e especialistas para ajudar os apicultores a melhorar o maneio das colmeias e, consequentemente, a aumentarem a produção de mel. A ação acontecerá durante as Jornadas de Apicultura, no dia 22 de outubro, no Salão Nobre da Câmara Municipal, a partir das 09h00.

Na sessão, que conta com a colaboração da APIMIL – Associação dos Apicultores de Entre Minho e Lima, serão abordados temas relacionados com a sanidade e os tratamentos existentes para as várias doenças que afetam as colmeias, e que são causa de uma grande mortalidade de abelhas, bem como a problemática relacionada com a vespa asiática, uma espécie invasora que no nosso país que tem causado elevados prejuízos ao setor.

Do programa consta ainda uma sessão prática num apiário, que decorrerá da parte da tarde. Os participantes terão de levar fato de apicultor e equipamentos de proteção.
Os inscritos no evento terão ainda a possibilidade de participar num almoço, que decorrerá no Restaurante Adérito. O mesmo terá o valor de 20€ por pessoa, pago diretamente no restaurante.

A iniciativa é de participação livre, mas carece de inscrição prévia obrigatória e que terá de ser realizada até dia 18 de outubro, em https://bit.ly/JornadasApicolasdeMelgaço ou via telemóvel +351 967 130 029.

PROGRAMA
09h00 – Receção aos participantes

09h30 – Sessão de abertura
Manoel Batista, Presidente da Câmara Municipal de Melgaço e da Comunidade Intermunicipal do Alto Minho (CIM Alto Minho)

10h00 – Vespa Velutina no Alto Minho
Moderador: Manoel Batista, Presidente da Câmara Municipal de Melgaço e da Comunidade Intermunicipal do Alto Minho (CIM Alto Minho)

10h00 – “Evolução ao longo da década, seu comportamento e formas de combate”
Alberto Dias, Presidente da APIMIL, Associação dos Apicultores de Entre Minho e Lima

10h20 – “Atuação dos Serviços Municipais da Proteção Civil de Melgaço na monotorização e controle”
Luís Matos, Coordenador Operacional Municipal (Melgaço)

10h40 – “Projeto Controlo da Vespa-Estratégia de Prevenção e Controlo da Vespa Velutina nos Ecossistemas do Alto Minho”
Bruno Caldas, Comunidade Intermunicipal do Alto Minho (CIM Alto Minho)

11h10 – Debate

11h30 – Desafios Futuros da Sanidade Apícola
Moderador: Elisa Ferreira, Coordenadora da Direção Geral da Alimentação e Veterinária de Viana do Castelo

11h30 – “Patologias Apícolas e sua evolução”
Samuel Jacomo, Técnico da APIMIL, Associação dos Apicultores de Entre Minho e Lima

12h00 – “Programa Apícola e Zona Controlada do Alto Minho
Samuel Jacomo, Técnico da APIMIL, Associação dos Apicultores de Entre Minho e Lima

12h15 – “Novo produto – lâminas de plástico”
Luís Batista, Técnico Apícola do Vez

12h50- Debate

13h15 – Almoço

15h00 – Práticas no Apiário:
Stocks alimentares
Patologia (varroa)
Estado do material

Informação: caso exista impossibilidade de levar a cabo esta ação em virtude das condições meteorológicas, a atividade será alterada por outra, em local a combinar. Todos os interessados devem levar os seus equipamentos.

Outros artigos