Estratégia com horizonte 2030 da Eurocidade Tui-Valença

Através de um processo participativo

Valença | Até ao dia 7 de fevereiro está a decorrer um processo participativo, através de um inquérito para que os moradores dos dois municípios possam contribuir para a definição da estratégia. Podem participar no inquérito os munícipes de Tui e Valença em: https://arcg.is/1nermz0

A Câmara Municipal de Tui, em colaboração com a Câmara Municipal de Valença, está a liderar os trabalhos de conceção da “Estratégia e Plano de Ação 2030” para a Eurocidade Tui-Valença.

A iniciativa insere-se no quadro do projeto europeu UNICIDADE que visa reforçar os processos de cooperação entre os agentes das administrações públicas de ambos os municípios. Este projeto foi aprovado no âmbito do programa de cooperação Interreg VA Espanha – Portugal 2014-2020 e é cofinanciado a 75% por fundos europeus.

Assim, com o desenho desta estratégia, pretende-se organizar, integrar e coordenar as dinâmicas de cooperação existentes no território, identificando medidas concretas e instrumentos inovadores para a articulação e desenvolvimento do espaço fronteiriço e que, ao mesmo tempo, constituam elemento de reforço e afirmação da identidade da Eurocidade.

A elaboração da estratégia será baseada num importante processo participativo para dar voz aos agentes do território. Por um lado, será criado um grupo de trabalho que represente tanto os municípios como os seus atores de forma representativa, integrando as respetivas administrações, os diferentes setores económicos e os principais grupos sociais. De forma complementar, também haverá mesas temáticas e entrevistas individuais com esses atores.

Por outro lado, será disponibilizado um inquérito à população de ambos os municípios, entre 25 de janeiro e 7 de fevereiro, para conhecer suas opiniões, sugestões e comentários. Este inquérito será realizado presencialmente em pontos-chave de ambos os concelhos, estando também disponível para preenchimento em formato digital nas secções Eurocidade dos dois sites municipais (www.tui.gal e www.cm-valenca.pt/eurocidade), assim como nas suas redes sociais.

Espera-se, assim, que através do diagnóstico do território por 6 áreas temáticas – Urbanismo, governação transfronteiriça e gestão conjunta de serviços básicos, desenvolvimento económico e inovação territorial, ambiente e energia, desafio demográfico e bem-estar social e digitalização – se possa definir a visão, as linhas de ação, os meios de financiamento e os mecanismos de avaliação da Estratégia Eurocidade 2030.

Uma estratégia que, em última análise, nos permitirá focar nos desafios enfrentados por ambos os municípios -especialmente após a crise do COVID- 19- para projetar de forma participativa ações que fortaleçam a cooperação fronteiriça e possibilitem o desenvolvimento socioeconómico de Tui e Valença. A publicação dos resultados do projeto, prevista para março deste ano, terá lugar nas secções Eurocidade de cada site municipal. Da mesma forma, serão realizados dois eventos públicos, um em cada município, para divulgar a Estratégia e Plano de Ação Eurocidade 2030.

Outros artigos