Infraestruturas de Portugal começa a ser posta em causa

Em Monção, acidentes na Estrada Nacional (EN) 202
Mais uma violenta colisão entre dois automóveis ocorreu e fez mais três feridos. Dois deles graves.

Monção | Quase dois anos depois o cruzamento de São Pedro, na Estrada Nacional (EN) 202, voltou a ser palco de acidente rodoviário grave. O anterior acidente data de 23 de novembro de 2019, quando uma jovem de 22 anos ficou ferida após a colisão de dois veículos ligeiros…

Entretanto os confinanmentos e fechos das fronteiras apareceram devido à COVID-19, tudo parecia calmo…. até 29 de outubro de 2021 perto das 17:30h.

Com o aparecimento das primeiras chuvas fortes, estradas molhadas e pisos escorregadios, os feridos… as ambulâncias… as sirenes… a aflição geral. Tudo voltou a um lugar que à muito não quer isto.

Mais uma violenta colisão entre dois automóveis ocorreu e fez mais três feridos. Dois deles graves: um jovem de 28 anos e uma idosa de 77 que foram e ainda um terceiro com 20 anos menos graves.

Mais uma vez reacenderam-se na população monçanense, os protestos e os pedidos para uma rotunda, que a população local já perdeu a conta aos anos que está prometida…. e que legislatura após legislatura, tem sido adiada.

A verdade é que o último compromisso aconteceu em dezembro de 2020, em que a Infraestruturas de Portugal (IP) garantiu numa comunicação ao Municipio de Monção, que a nova rotunda de São Pedro estará pronta em março de 2022.

A IP garantiu também que o concurso público para esta obra seria lançado em maio de 2021 e a consignação dos trabalhos estava prevista para dezembro de 2021… e até agora desconhece-se qualquer sinal de andamento neste processo.

Entretanto, o cruzamento de S. Pedro, continuou a fazer vítimas de todas as idades. Para a população, é sempre uma questão de tempo até acontecer o próximo acidente… Será que irão continuar a estar à espera??? e quando nos tocar?

Outros artigos