CIM Alto Minho apresenta em Bruxelas o Projeto BIGDATA 4RIVERS

Sobre melhoria da qualidade dos rios europeus

Viana do Castelo | A Comunidade Intermunicipal do Alto Minho (CIM Alto Minho) participou hoje, dia 15 de junho, em Bruxelas, num workshop inter-regional realizado no âmbito do projeto “BIGDATA 4RIVERS – Melhorar a qualidade da água dos rios europeus através de políticas inteligentes de gestão da água”.

Com o aproximar do fim da primeira fase do projeto, onde se impulsionou a partilha de informação e conhecimento, capacitando as entidades com competência direta na planificação, gestão e monitorização da água e as entidades envolvidas diretamente na operacionalização dos instrumentos de política, entre as quais as autoridades de gestão dos Programas Operacionais, nomeadamente sobre processos de planeamento e a tomada de decisão relativa à gestão das águas ao nível local e regional, através do desenvolvimento de planos de ação individuais e a sua aplicação no âmbito dos instrumentos de política pública local, foi realizado um workshop inter-regional onde foram discutidos dois temas principais. Um desses temas versou sobre os instrumentos políticos, tendo sido feita uma análise dos benefícios que a trocas de boas práticas apresentadas neste projeto trouxeram para os melhorar e quais as previsões para o próximo período de programação. O segundo tema foi sobre os planos de ação concebidos na primeira fase do projeto.

Para além da CIM Alto Minho, fazem parte deste projeto outras instituições europeias como o Conselho Administrativo do Condado de Östergötland (Suécia), o DREAM – Cluster de Competitividade em Água e Meio Ambiente (França), a Associação Ibérica de Municípios Ribeirinhos do Rio Douro (Espanha), a Universidade de Tecnologia Kaunas (Lituânia), a União Nacional de Empresários Romenos (Roménia) e o Fundo de Desenvolvimento Regional da Região de Atenas (Grécia).

O projeto BIGDATA 4RIVERS é cofinanciado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER), no âmbito do programa de cooperação inter-regional Interreg Europa.

Cultura para Todos: projeto de inclusão social
“Inclusão pela Arte e Cultura no Alto Minho – Cultura para Todos” é o mais recente projeto que está a ser dinamizado pela Comunidade Intermunicipal do Alto Minho (CIM Alto Minho), que visa a estruturação e dinamização de uma rede intermunicipal para a promoção e inclusão pela arte e cultura de pessoas com diversidade funcional.

Para o presidente da CIM Alto Minho, Manoel Batista, “trata-se de um projeto inovador que pretende promover estratégias de intervenção social através de práticas culturais e artísticas junto de grupos com particulares dificuldades de inclusão social e, simultaneamente, capacitar e sensibilizar os agentes do território para o conceito e relevância da cultura acessível”.

No âmbito deste projeto, está já em curso, entre outras atividades, a realização de um diagnóstico sobre as condições de acessibilidade de 50 equipamentos culturais e 10 festivais/ eventos dos 10 municípios do Alto Minho, e que terminará com a apresentação de um relatório com propostas de melhoria de modo a ficarem acessíveis para este público-alvo, assim como  um plano de ação para a implementação das melhorias e a divulgação dos equipamento diagnosticados na plataforma Tour4all, uma plataforma de recursos turísticos acessíveis para todos, apoiada pelo Turismo de Portugal, pela Fundação Vodafone e pela European Network for Accessible Tourism.

Paralelamente, estão a ser promovidos workshops e ações de sensibilização que contemplam o enquadramento informativo/ teórico sobre conceitos de cultura acessível, com a presença de pessoas com necessidades especiais que partilham os seus exemplos e experiências; a apresentação de exemplos de boas práticas em instituições públicas e privadas nacionais em que o tema da inclusão é prática regular; o contacto com uma experiência internacional com projetos inovadores de integração social pela cultura e visitas de benchmarking.

Estas sessões já passaram pelos municípios de Viana do Castelo, Vila Nova de Cerveira/ Caminha, Ponte de Lima e Arcos de Valdevez/ Ponte da Barca, realizando-se as próximas em Monção (dia 28 de junho), em Melgaço (dia 27 de junho), em Valença (dia 30 de junho) e em Paredes de Coura (dia 1 de julho). Os interessados devem fazer a sua inscrição através do preenchimento do formulário correspondente ao município onde pretendem assistir à sessão, disponível no site da CIM Alto Minho em www.cim-altominho.pt.

Outra das atividades diz respeito à promoção de práticas literárias inclusivas, tendo já sido realizada a primeira etapa dos encontros literários do Alto Minho – “As palavras que nos unem”, nas bibliotecas municipais de Valença, Arcos de Valdevez, Caminha, Ponte de Lima e Vila Nova de Cerveira, em colaboração com a RIBAM – Rede Intermunicipal das Bibliotecas Públicas Municipais do Alto Minho.

Estes encontros literários contaram com uma programação que privilegiou conteúdos em multiformato, como audiodescrições do programa, traduções em braille e em língua gestual, de forma a proporcionar a participação e a integração de diferentes públicos. Em outubro terá lugar a segunda etapa destas práticas literárias inclusivas, abrangendo os concelhos de Melgaço, Ponte da Barca, Viana do Castelo, Monção e Paredes de Coura, cuja programação será, a seu tempo, divulgada.

Com data de conclusão apontada para abril de 2023, o projeto “Cultura para Todos” irá envolver ainda as associações de apoio social públicas e privadas do território na dinamização de iniciativas de fotografia, vídeo, pintura, literatura e  música, com o objetivo de promover a inclusão através da arte, estando também prevista a edição de publicações em braille, a adaptação das plataformas digitais da CIM Alto Minho aos requisitos de usabilidade e acessibilidade web e a conceção de um manual de boas práticas em matéria de  implementação de melhorias e monitorização da qualidade do acolhimento inclusivo em espaços culturais do Alto Minho.

Deixa unha resposta

Este sitio emprega Akismet para reducir o spam. Aprende como se procesan os datos dos teus comentarios.

Outros artigos