Centro do Património Imaterial Galego-Português vai nascer em Valença

Assinado protocolo de cooperação com a AECT Rio Minho e a Associação Cultural e Pedagógica Ponte .. nas Ondas!

Valença | A Câmara Municipal de Valença assinou um protocolo de cooperação com a AECT Rio Minho e a Associação Cultural e Pedagógica Ponte…nas Ondas! para a instalação, em Valença, do Centro do Património Imaterial Galego Português.

Esta nova estrutura será desenvolvida no âmbito do projeto europeu Livhes – Sudoe que escolheu o trabalho da Associação Ponte nas Ondas como experiência de boas práticas representativa da euro região. A iniciativa será co-financiada pelo programa Interreg-Sudoe 2014-2020.

A par deste centro o protocolo contempla, ainda, o desenvolvimento de ações de preservação do Património Cultural Imaterial.

O centro proposto, pela Associação Cultural e Pedagógica Ponte…nas Ondas!, é um espaço que servirá de repositório cultural, destinado ao património cultural imaterial galego-português.

Com este centro pretende-se um espaço vivo, muito além do conceito de museu tradicional, com exposições temporárias, projeções, palestras, concertos , entre outros.

O centro terá, de base, uma exposição permanente focada em cinco áreas temáticas: tradições orais, contos e lendas, cultura marítimo-fluvial, cultura agrária e ciclo festivo anual.

Outros artigos