Arcos de Valdevez em 2º lugar no Índice de Transparência Municipal

Novas do Eixo Atlántico - Transparencia

ARCOS DE VALDEVEZ | O Concelho de Arcos de Valdevez classificou-se na 2º posição do “Ranking” Nacional do Índice de Transparência Municipal à escala dos 308 Municípios Portugueses, verificando-se uma melhoria acentuada face a 2013 (159ª posição). Acresce referir, que a Câmara Municipal de Arcos de Valdevez é a autarquia do Distrito de Viana do Castelo com a melhor classificação no índice de Transparência Municipal (ITM).

“Em apenas três anos o Município transitou do 159º lugar para o 2º da tabela a nível nacional, com um score de 89,84”

Estas conclusões vêm expressas no Índice de Transparência Municipal (ITM) 2015, que foi apresentado publicamente pela “Transparência e Integridade Associação Cívica (TIAC) “.

Para a Câmara Municipal este posicionamento é o reconhecimento de uma gestão municipal clara e transparente, indispensável para a confiança dos arcuenses no poder local. O Presidente da Câmara Municipal afirma que este resultado é também fruto do “esforço conjunto dos funcionários em simplificar a vida aos cidadãos, através do rigor e transparência não só nos processos como na resolução dos seus problemas”, sendo certo que o município irá continuar a trabalhar para uma maior transparência, credibilidade e proximidade com os arcuenses.

Esta entidade avalia o grau de transparência dos 308 Concelhos do país, através de uma análise da informação disponibilizada pelas câmaras municipais aos munícipes nas suas páginas de internet e mede a disponibilização da informação em várias dimensões cruciais para a vida do município, desde a organização do município, até à transparência económico-financeira, à prestação de contas, aos contratos celebrados pela autarquia, num total de 76 indicadores que abrangem 7 pontos, nomeadamente, Informação sobre a Organização, Composição Social e Funcionamento do Município; Planos e Relatórios; Impostos, Taxas, Tarifas, Preços e Regulamentos; Relação com a Sociedade; Contratação Pública; Transparência Económico-Financeira e Transparência na área do Urbanismo.

Trata-se de uma organização não-governamental que tem como missão combater a corrupção e é representante em Portugal da rede global anticorrupção.

Outros artigos